Universo Vasco

Saída de Castan passa a ser desejo quase absoluto da torcida do Vasco após empate com Remo

Os pouco mais de mil vascaínos presentes em São Januário estiveram lá para criticar quase que a totalidade do elenco que fracassou na tentativa de recolocar o clube na elite, e a figura central da “fogueira vascaína” foi Leandro Castan, perseguido do primeiro ao último minuto.

Mesmo com contrato válido até o fim de 2022, Castan, de 35 anos, não tem mais clima para seguir no Vasco. Antes atacado nas redes sociais, o zagueiro não teve trégua durante os mais de 90 minutos que ficou em campo contra o Remo.

O zagueiro foi xingado em alto e bom som durante a execução do Hino Nacional Brasileiro, momentos depois de o time ser chamado de “sem vergonha”.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: