Universo Vasco

Afinal, Ramon Menezes deve ser demitido?

Na noite deste domingo o Vasco sofreu uma dura derrota para o Atlético-MG, em Belo Horizonte.

A equipe de Jorge Sampaoli simplesmente não tomou conhecimento do Cruzmaltino, e atropelou: 4 a 1, apenas no primeiro tempo. E ainda poderia ter sido mais.

Contudo, o que perturba a cabeça do vascaíno vai além do placar, afinal, é normal perder para o líder do campeonato. Entretanto, a atuação da equipe.. poderia ser melhor.

Mas afinal, uma goleada é motivo para a demissão do técnico Ramon Menezes? Bom, para alguns sim, em sua grande maioria principalmente após o apito final, ainda de cabeça quente. Todavia, se analisarmos alguns pontos, podemos ver que essa pode não ser a melhor opção de fato.

O primeiro deles se trata do tempo que o clube teria de levar até decidir, e começar a buscar um novo treinador, além da dificuldade de encontrar alguma opção no mercado, encontrar alguém que tope entrar no ambiente conturbado da colina, principalmente político, devido à eleição.

Não há tanto tempo disponível para pensar e agir, os jogos surgem basicamente a cada 3 dias, e nisso, ainda temos que considerar o tempo de treinamento.

Outro ponto inclusive diz respeito justamente à isso: tempo. O novo técnico também teria que ter tempo para conhecer o novo elenco, além, é claro, do tempo de treinar. O que não terá tão cedo.

Além disso, existe outra possibilidade, nada garante que o novo treinador não seja demitido também após ficar 5 jogos sem vencer, e neste caso, ainda podendo causar uma dívida ao clube.

O torcedor age muito mais emoção do que pela razão. Mas neste momento é necessário pensar com a razão, e principalmente, de cabeça fria, coisa que a diretoria cruzmaltina minimamente deva seguir. Ramon Menezes não merece uma demissão, mas deve ser pressionado.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: