Universo Vasco

Marcos Jr agradece a Ramon por confiança em nova chance no Vasco e já mira Copa do Brasil

A tarefa não foi fácil, mas ele cumpriu muito bem. Marcos Júnior foi o substituto de Andrey no clássico contra o Botafogo, neste domingo, e deu conta do recado, inclusive dando assistência.

O volante era criticado antes mesmo do início do jogo, assim que saiu a escalação muitos torcedores já exaltados reclamaram de sua presença. Andrey, machucado, não pôde atuar, e coube a Marcos fazer sua função.

Função que fez muito bem até, e sendo muito elogiado por isso. Ainda assim, o volante reconheceu que não vivia um bom momento, entretanto, afirmou que tratou de recuperar sua confiança, e o bom futebol, apesar de todas as críticas recebidas.

– Eu vinha trabalhando para quando surgisse a oportunidade, estar ajudando o grupo e fazer esse tipo de partida. Consegui, graças ao Ramon e aos meus companheiros… eu não estava atravessando um bom momento de treinamento. Sou muito humilde e reconheço quando não estou bem. Esperei paciente. Trabalhei bastante para quando o Ramon precisasse, eu pudesse entrar e ajudar – disse.

Sobre o assunto posição, uma vez que atuou de primeiro volante, posição de Andrey, Marcos Jr deixou a decisão para o técnico.

– A escolha do titular depende do Ramon. Ressalto o trabalho do Andrey, é um dos nossos melhores jogadores esse ano. Eu vou estar sempre pronto pra ajudar. Seja como primeiro volante. Ele sabe que ali no meio-campo pode contar comigo em qualquer posição que vou dar meu máximo. É um campeonato longo, de uma maneira que nunca aconteceu, tem que contar com todo o elenco. Quem entrar tem que dar conta do recado.

O Vasco, vale lembrar, está encarando uma série de 3 jogos contra o Botafogo, em cerca de 10 dias, a primeira terminou com uma vitória. Mas o Gigante já enfrentará o alvinegro novamente, desta vez pela Copa do Brasil, e agora tenta virar a chave para a competição.

– Eu acho que agora temos que virar um pouco a chave. Agora é Copa do Brasil, diferente. São dois jogos decisivos. O Ramon sabe o que passar pra gente. Nós temos que saber escutar, trabalhar para enfrentar a equipe deles e quando jogar, entrar dessa maneira. O Ramon pediu bastante que a gente perdesse e pressionasse. Estávamos fazendo isso no início do Brasileirão e hoje voltamos a fazer bem. Isso foi fundamental – finalizou Marcos Jr.

Na próxima quarta Vasco e Botafogo se enfrentam no jogo de ida da Copa do Brasil. Será o segundo jogo da série de 3 confrontos.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: