Universo Vasco

Bagunça à mostra: Campello aciona polícia contra empresa que faria votação online no Vasco

O presidente do Vasco, Alexandre Campello marcou presença na delegacia de São Cristovão para registrar ocorrência sobre os fatos envolvendo a empresa que seria utilizada para a votação online da assembléia geral. Porém, sem autorização do mesmo, a empresa acabou sendo notificada.

A atitude de Campello, acompanhado do vp jurídico Rogério Peres na delegacia, mostrou a intenção do mandatário de retirar qualquer responsabilidade do clube, no que diz respeito à contratação da empresa. O presidente da diretoria administrativa também pediu esclarecimentos a Mussa sobre o processo de contratação e conversas com a mesma.

O Vasco ainda enviou uma notificação à Eleja Online, com pedido de retirada do ar, na página de internet, além de proibir o uso de qualquer informação de sócios, ou exibir a imagem do clube, sem consentimento do mesmo.

Vice jurídico, Rogério Peres esclarece que as medidas tomadas, como a notificação e o registro do boletim de ocorrência na polícia, se tratam apenas de métodos que o clube pensou de se proteger, uma vez que as ações teriam sido feitas de modo não oficial. Segundo o clube, em momento algum o processo de contratação da tal empresa chegou ao conhecimento da diretoria administrativa, e por isso, não seria legal.

Vale lembrar que recentemente o Vasco também emitiu um comunicado em seu site oficial afirmando desconhecer qualquer contato com a empresa ou acordo firmado.

A polícia Civil informou o andamento das investigações sobre o fato, e irá apurar a situação devidamente antes de expor qualquer atualização.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: