Universo Vasco

Fernando Miguel revela que cogitou largar o futebol por falta de oportunidades

Entrevistado pelo Bola da Vez, o goleiro vascaíno Fernando Miguel fez revelações surpreendentes sobre a sua carreira.

Uma das lideranças do atual elenco, e titular absoluto do Vasco, o goleiro começou sua carreira no futebol Gaúcho, mais precisamente no Brasil de Pelotas. Mas é de outro clube onde Fernando jogou, que vamos falar agora, de um dos seus maiores problemas enfrentados como jogador, No Esportivo-RS.

Foi no Esportivo que o goleiro cogitou largar as chuteiras, ou melhor, as luvas e, segundo o próprio, passou a procurar outros empregos.

– Tive uma passagem pelo Esportivo, sem lesão, acabou o meu contrato e aconteceu comigo o que acontece com muitos atletas depois dos regionais: não tinha campeonato para jogar e não apareceu nenhuma equipe para eu ser contratado. Foi aí que eu repensei a minha carreira, repensei a minha vida, tive muito claro para mim que se um dia se eu tivesse que fazer outra coisa a não ser jogar futebol, aquele era o momento de iniciar um novo ciclo e um novo rumo para a minha vida – disse.

– E foi o que aconteceu nesse momento: eu pensei mesmo em desistir e parar de jogar futebol. Fui procurar emprego e ia colocar um ponto final na minha carreira como atleta. Foi quando para a minha surpresa eu fui fazer uma entrevista num hotel para ser recepcionista. Eu falei para o cara que era jogador de futebol e não apareceu nenhum clube, que queria recomeçar minha vida – completou.

Fernando ainda revelou o motivo que o fez não desistir da carreira de jogador. Isso aconteceu inclusive numa entrevista de emprego que daria um outro rumo ao jogador.

– Aí, no final da entrevista, o dono do hotel falou que eu tinha o perfil perfeito para trabalhar com ele, mas não ia me contratar porque eu tinha nascido para jogar futebol. Eu vejo a mão de Deus nesse momento – finalizou.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: