Universo Vasco

Com atuação segura, Ulisses corresponde bem às expectativas e vira opção no elenco

O zagueiro Ulisses foi um dos principais destaques do Vasco no jogo-treino contra o Porto Velho, que terminou com uma goleada do Cruzmaltino por 5 a 0: Gols de Fellipe Bastos (2), Martín Benítez, Andrey e Lucas Santos.

Seguro, atento e jogando o simples, o zagueiro mostrou qualidade e entregou suas credenciais ao técnico Ramon Menezes, que ganha mais uma opção no banco, além do jovem Miranda, que também deve ser utilizado durante a temporada, e não atuou por estar lesionado.

Pós-jogo, o defensor comentou sobre o estilo de jogo empregado por Ramon em seu próprio estilo, ressaltando sua adaptação ao novo técnico, Ulisses atuou em ambos os lados do campo durante o jogo-treino, mostrando versatilidade.

– Não só o meu jogo, mas o do time, o time vem se adaptando, não importa se é jogo, treino ou amistoso, sempre estamos nos adaptando para o melhor desempenho.

O jogador também exaltou o relacionamento com seu parceiro no jogo-treino, Ricardo Graça. Ambos jogaram juntos na base e conquistaram diversos títulos.

– A gente se conhece desde a base, ele sempre me dando moral, da base pro profissional é diferente, e cada dia a gente tem que se adaptar melhor, ele sempre conversa comigo para me ajudar a melhorar.

Substituindo o capitão Leandro Castan, o jovem também comentou a árdua tarefa, se colocando à disposição para ajudar sempre que solicitado.

– Estou aqui pra acrescentar na equipe para o que precisar, ficar á disposição do Ramon. Ele sabe que pode contar comigo, to sempre tentando dar o meu melhor, na quarentena treinei firme focado para evoluir, a cada dia to trabalhando pra poder desempenhar o melhor trabalho dentro de campo, o Castan fala que tenho que ser um zagueiro seguro e firme na marcação – disse o jovem.

Jogar sem torcida para um jogador de futebol, é um mundo totalmente diferente e estranho, questionado sobre a ausência dos torcedores no estádio, Ulisses foi direto.

– Faz muita falta, hoje pude estar jogando em sj depois de um tempo, e sem a torcida é diferente, dá um arrepdio dentro de campo, sempre é algo que nos motiva, a torcida é apaixonada, e tentamos traduzir isso para dentro de campo.

O zagueiro, que renovou recentemente o contrato com o Vasco, também comemorou o fato, mas fez questão de garantir que caso tivesse algum problema na negociação, sempre estaria 100% dedicado e trabalhando em prol do Vasco.

– Sempre quis ficar no Vasco,, meu sonho é jogar dentro do Vasco, no profissional, pra mostrar pra torcida que to aqui, dá uma certa tranquilidade sim(renovar), mas sempre to trabalhando independentemente do contrato renovado ou não, mostrando do que sou capaz.

Vale lembrar que o clube enfrenta dificuldades para renovar com alguns de seus talentos, como os volantes Bruno Gomes e Juninho.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: