Universo Vasco

Empresa jurídica tem pedido de penhora, sob a venda de Marrony, negado pela Justiça

A justiça negou um pedido de penhora por parte da Barreira de Oliveira, empresa de consultoria jurídica, que busca o pagamento de R$ 25 milhões em dívidas que o Vasco possui com a mesma. A informação foi divulgada pelo site Esporte News Mundo.

A ideia era penhorar cerca de 20% dos 16,4 milhões que o Vasco tem a receber de um parceiro do Atlético-MG pela venda do jogador ao clube mineiro. Porém o pedido foi recusado, e o processo foi suspenso temporariamente.

O Vasco aguarda pelo pagamento ser feito para poder quitar suas pendências com elenco e funcionários do clube. A crise financeira em São Januário é gravíssima, e chegou a três meses de salários atrasados aos atletas, podendo chegar a quatro no próximo dia 20 (quando o mês de maio vence).

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: